Desconto no IPTU com Energia Solar

Energia Solar | Rio de Janeiro

Desconto no IPTU com Energia Solar

O ano mal começou e os moradores do Rio De Janeiro foram surpreendidos com uma desagradável surpresa: Um novo aumento no IPTU. Além do já tradicional reajuste da inflação, com base no IPCA-E, lançado anualmente no imposto, em 2019 os cariocas tiveram que se habituar com um outro aumento. Esta nova cobrança é relativa a segunda parcela do novo cálculo utilizado pela prefeitura para definir o valor do IPTU, por conta da atualização na Planta Genérica de Valores. Portanto, o imposto que já havia sofrido um aumento no ano de 2018, foi ainda mais oneroso ao bolso do contribuinte neste ano.

O aumento do IPTU, assim como de outros tributos, é repassado ao contribuinte de forma compulsória, deixando-os submissos a incrementos de qualquer categoria. Diante deste pressuposto, os cidadãos buscam formas de reduzir seus gastos com impostos e não serem reféns dos acréscimos tributários.Quando se trata especificamente do IPTU, uma alternativa viável, já acessível em diversas cidades do País, é o IPTU verde. Um benefício que gera descontos neste determinado imposto, com o objetivo de estimular práticas sustentáveis nos empreendimentos imobiliários, visando reduzir os impactos ambientais causados por estes. Dentre as práticas sustentáveis que enquadram o imóvel nesta categoria a fim de conceder ao morador este incentivo fiscal estão, por exemplo, a gestão de resíduos, reúso de água da chuva e geração de eletricidade por ENERGIA SOLAR. Exatamente! Ter um sistema solar fotovoltaico na sua casa, comércio ou condomínio, além de beneficiar reduzindo significativamente a conta de luz do imóvel, também gera desconto no IPTU.

Os descontos no IPTU são de acordo com a prefeitura de cada município que adere ao sistema. Estes abatimentos variam entre 5% e 80% sobre o valor total do imposto. Dentre as cidades que já implementaram o IPTU verde para seus residentes estão: Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR) Goiânia (GO), Guarulhos (SP), Palmas (TO), Salvador (BA). Já no Rio De Janeiro, a previsão é de que o IPTU verde comece a vigorar já em 2019, beneficiando financeiramente os moradores que tenham em suas residencias, entre outros itens, sistemas de Energia Solar.

Tags: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *